19/12/2004

Geografia
PADRÃO DE RESPOSTAS
(valor de cada questão = 2,0 pontos)
Questão

Resposta

A) Duas dentre as conseqüências:
distribuição espacial da riqueza muito desigual
rede de cidades na qual existem pouquíssimas cidades médias
convergência dos fluxos populacionais nacionais para uma única cidade
"inchaço" urbano da principal cidade, com problemas como favelização, violência,
trânsito caótico, etc.
B) Duas dentre as justificativas:
1

A rede urbana equilibrada dos países desenvolvidos faz com que sejam raras as
megacidades.
O crescimento demográfico é muito maior nos países menos desenvolvidos do que
nos mais desenvolvidos.
O êxodo rural é residual atualmente nos países mais desenvolvidos e ainda é
significativo em muitas das nações menos desenvolvidas.
Nos países mais desenvolvidos as boas redes de transporte e de comunicação têm
favorecido processos de desconcentração de atividades e população, inibindo a
formação de megacidades.
A) Quanto maior a latitude menor a diversidade de espécies vivas.

2

Quanto maior a altitude menor a diversidade de espécies vivas.
B) Porque esses países estão localizados principalmente nas áreas de baixa latitude, nas
quais a biodiversidade é maior.
A) Duas dentre as justificativas:

3

preservação dos empregos rurais
política de segurança alimentar, para evitar a total dependência da importação de
alimentos
força política e capacidade de mobilização e pressão por parte dos agricultores dos
países desenvolvidos
interesse em favorecer toda a cadeia de produção e circulação de produtos associada à
agricultura (agronegócio)
alto custo da produção agropecuária nos países centrais, especialmente na Europa e
no Japão, o que torna essa atividade pouco competitiva frente aos países periféricos.
B) Essa política restringe as possibilidades de venda de produtos da agropecuária brasileira
no exterior, tanto em termos de exportações para os países desenvolvidos quanto para os
países para onde eles exportam seus produtos subsidiados.

19/12/2004

Geografia
A) Dois dentre os argumentos:
O território relativamente reduzido favorece o transporte rodoviário, mais barato para
distâncias não muito grandes (até cerca de 300 ou 400 km).
O clima muito rigoroso provoca o congelamento de alguns rios e portos litorâneos,
estabelecendo limites para o transporte aquaviário.
O alto nível de urbanização do país favorece o transporte rodoviário em função de sua
flexibilidade, ao contrário do ferroviário, que é pouco flexível e caro para pequenas
distâncias.

4

B) Dois dentre os argumentos:
O alto custo de manutenção das rodovias, o que é um desperdício em um país
subdesenvolvido.
A necessidade de grandes gastos de divisas com importação de petróleo, resultante da
opção rodoviária.
O extenso litoral e a ausência de problemas de ordem climática favorecem um uso
muito maior da navegação de cabotagem do que o verificado.
A concentração da maioria da população e da economia do país em uma faixa
próxima ao litoral justifica um uso maior da navegação de cabotagem do que o
verificado.
Em decorrência das dimensões do território nacional, dever-se-ia privilegiar os meios
de transporte mais baratos para grandes distâncias, como o ferroviário e o aquaviário.
A importância da produção e exportação de mercadorias de baixo valor por tonelada
(minérios, produtos agrícolas, etc.), deslocadas por grandes distâncias até os portos
litorâneos, exigiria uma maior participação da rede ferroviária.
A) Dois dentre os fatores:
adequada infra-estrutura portuária do porto de Itaqui
proximidade da província mineral de Carajás, no Pará, de onde vem o minério de
ferro
existência de uma moderna ferrovia, a E.F. Carajás, ligando as jazidas de ferro ao
estado
abundância de energia elétrica produzida na Usina de Tucuruí, no vizinho estado do
Pará

5

B) Dois dentre os argumentos:
baixo nível de organização sindical
incentivos fiscais abundantes concedidos na região
mão-de-obra barata, ainda que de baixa qualificação média
maior proximidade geográfica dos mercados importadores localizados na Europa e
nos EUA
melhorias, nas últimas décadas, das redes de energia, transporte e comunicações
nordestinas
custos de produção mais baixos do que no Centro-Sul para vários setores de baixo
valor agregado, facilitando a concorrência, sobretudo com os países asiáticos

19/12/2004

Geografia

6

A) São Paulo é a metrópole mundial brasileira porque exerce controle sobre os principais
sistemas de comunicação, além de oferecer bens e serviços mais sofisticados e
diversificados. É a partir de São Paulo que as atividades econômicas realizadas no
território brasileiro são integradas à economia internacional, visto que há uma
concentração das sedes de grandes empresas na cidade.
B) Ocorre devido à expansão das redes telemáticas, em que um número crescente de
usuários e empresas negociam diretamente entre si, independentemente de distâncias
físicas e do porte das cidades na qual estão sediados.
A) Agropecuária moderna e competitiva, com elevada produtividade, dispensa a
necessidade de eliminação do latifúndio.

7
B) Somente a desconcentração da terra possibilitaria o combate à pobreza no campo,
conteria o êxodo rural e asseguraria a soberania alimentar do Brasil.
A) Dois dentre os objetivos:
evitar a ação de contrabandistas
combater a ação do narcotráfico
preservar a soberania nacional na exploração dos recursos naturais da região
evitar a atuação de grupos guerrilheiros dos países vizinhos, em particular da
Colômbia
8
B) Dois dentre os fatores:
rede urbana incompleta
redes de transporte precárias
baixa densidade demográfica
redes de comunicação insuficientes
floresta pluvial que dificulta a locomoção

9

A) Duas dentre as causas:
transferência do Distrito Federal para Brasília
fusão entre os estados da Guanabara e Rio de Janeiro
o governo federal priorizou seus investimentos em outros estados da federação
longo período de declínio/estagnação das atividades agropecuárias no interior do
estado
crescimento da violência na região metropolitana contribuindo para o êxodo de
empresas
maior dinamismo da metrópole paulista que tem drenado funções urbanas de alto
nível, anteriormente localizadas na metrópole carioca
B) Duas dentre as dificuldades:
excessiva concentração populacional na região metropolitana
presença de poucas atividades dinâmicas no interior do estado
rede de transporte deficiente interligando o interior com a região metropolitana

19/12/2004

Geografia
A) Dois dentre os fatores:
problemas ligados à segurança no Centro
custo inferior do metro quadrado dos imóveis na Barra
maior oferta de vagas para estacionamento na Barra
melhores perspectivas de valorização do imóvel na Barra do que no Centro
aumento da acessibilidade à Barra da Tijuca, após a construção da Linha Amarela
maior dificuldade de circulação no Centro em função do congestionamento viário
dessa parte da cidade no horário comercial
10

B) Duas dentre as ações:
investir em segurança
reurbanizar logradouros públicos
melhorar o serviço de limpeza urbana
racionalizar os sistemas de transporte que atendem à área Central
melhorar a integração do metrô com os sistemas de transporte individual ou coletivo
nos bairros
criar condições de estímulo para a habitação permanente na área Central, aumentando
o mercado consumidor local