2013/2014

Geografia 8º ano
Planificação a longo prazo

Filipe Miguel Botelho
TOSHIBA

Planificação a longo prazo 8º ano - Geografia
1º Período

Aulas

TEMA B ­ MEIO NATURAL
4. As diferentes feições do clima em Portugal

2

5. O relevo
5.1 Grandes conjuntos do relevo
5.2. Dinâmica de uma bacia hidrográfica
5.3. Dinâmica litoral
6. Riscos de catástrofes naturais

5
4
4

2º Período

Aulas

Tema C ­ População e Povoamento

TEMA C ­ POPULAÇÃO E POVOAMENTO

1. Distribuição da população

4. As migrações

1.1. Fatores explicativos
3
1.2. Os maiores focos e vazios 3
humanos
2. Evolução da população
2.1. Fases da evolução
2.2. Os indicadores demográficos

7

2

Apresentação

1

Fichas de avaliação

6

Fichas de avaliação

6

Atividades de sistematização

3

Atividades de sistematização

2

MINUTOS

8ºA ­ 28 AULAS
8ºB ­ 28 AULAS

8ºA ­ 26 AULAS
8ºB ­ 24 AULAS

4.1 Causas e classificação das
migrações
4.2 Consequências das migrações
4.3 Os principais fluxos
4.4 As migrações em Portugal

2

3
3. A diversidade cultural

AULAS DE 50

3º Período

Aulas

2
2
1
1

5. Áreas de fixação humana
5.1 As cidades: definição, critérios
e evolução

4

Fichas de avaliação

3

Atividades de sistematização

1

8ºA ­ 14 AULAS
8ºB ­ 14 AULAS

2

Geografia 8º ano

Metas curriculares (aplicação experimental)
Clima e formações vegetais
14. Compreender o clima de Portugal e as principais formações vegetais.
1. Caraterizar o clima de Portugal Continental e dos arquipélagos dos Açores e da Madeira,
tendo por base diversos gráficos termopluviométricos.
2. Explicar a influência dos fatores climáticos na variação da temperatura e da
precipitação, em Portugal Continental e nos arquipélagos dos Açores e da Madeira.
3. Caracterizar as principais formações vegetais em Portugal continental e nos
arquipélagos dos Açores e da Madeira.
O relevo
1. Compreender diferentes formas de relevo através da análise de mapas e da construção de
perfis topográficos
1. Interpretar mapas topográficos, identificando os principais elementos que os
constituem.
2. Interpretar mapas hipsométricos, descrevendo as diferentes formas de relevo.
3. Construir perfis topográficos, a partir de mapas topográficos.
4. Relacionar os perfis topográficos com as formas de relevo.
2. Compreender os agentes externos responsáveis pela formação das diferentes formas de relevo
1. Distinguir agentes internos de agentes externos.
2. Caraterizar os principais agentes erosivos (água e vento).
3. Distinguir as três fases do processo erosivo: desgaste, transporte e acumulação.
4. Caraterizar grandes formas resultantes da erosão e da acumulação de sedimentos por
ação da água e do vento.
3. Conhecer e compreender as principais formas de relevo em Portugal
1. Localizar as principais formas de relevo em Portugal.
2. Explicar as características do relevo de Portugal.
3. Exemplificar formas de relevo regionais resultantes da ação dos agentes erosivos.
A dinâmica de uma bacia hidrográfica
1. Compreender conceitos relacionados com a dinâmica de uma bacia hidrográfica
1. Distinguir rede hidrográfica de bacia hidrográfica.
2. Distinguir caudal de regime fluvial.
3. Caraterizar os diferentes regimes fluviais (perenes, intermitentes e efémeros).
4. Explicar os fatores responsáveis pelos diferentes caudais e regimes fluviais.
5. Distinguir leito normal de leito de inundação/leito maior e de leito de estiagem/leito
menor.
2. Compreender a dinâmica de uma bacia hidrográfica
1. Caraterizar o perfil longitudinal e transversal de um rio.
2. Identificar as diferentes secções de um rio.
3. Relacionar as caraterísticas das diferentes secções de um rio com os processos de
erosão/acumulação predominantes.

3

Geografia 8º ano

3. Compreender a dinâmica das bacias hidrográficas em Portugal
1. Localizar as principais bacias hidrográficas em Portugal (luso-espanholas e
exclusivamente nacionais).
2. Explicar a variação espacial e temporal do caudal dos rios portugueses como resultante
da interação entre fatores naturais e antrópicos.
A dinâmica do litoral
1. Compreender a evolução do litoral
1. Distinguir litoral de linha de costa.
2. Distinguir costa de arriba de costa de praia e duna.
3. Explicar a ação do mar sobre uma arriba.
4. Definir plataforma de abrasão.
5. Distinguir arriba fóssil de arriba viva.
6. Relacionar o traçado da linha de costa com estrutura litológica a ação erosiva e
deposicional do mar.
2. Compreender a evolução da linha de costa em Portugal
1. Descrever a evolução da linha de costa em Portugal.
2. Localizar as principais formas do litoral português (estuários, lagunas, tômbolos,
restingas e cabos).
3. Descrever os processos de formação das principais formas do litoral português.
4. Identificar as principais causas para o recuo atual da linha de costa em Portugal.
5. Discutir a importância da evolução do litoral no ordenamento do território.
População e Povoamento
Evolução da população mundial
1. Conhecer e compreender diferentes indicadores demográficos
1. Explicar a importância dos recenseamentos gerais da população para a Geografia e o
ordenamento do território.
2. Definir: demografia, natalidade, mortalidade, crescimento natural, taxa de natalidade,
taxa de mortalidade, taxa de mortalidade infantil, taxa de crescimento natural, índice
sintético de fecundidade, índice de renovação das gerações, índice de envelhecimento,
esperança média de vida à nascença, migração, saldo migratório, crescimento real ou
efetivo.
2. Aplicar o conhecimento de conceitos para determinar indicadores demográficos
1. Calcular: crescimento natural, crescimento real ou efetivo, taxa de natalidade, taxa de
mortalidade, taxa de crescimento natural, taxa de mortalidade infantil, saldo migratório,
índice de envelhecimento.
2. Explicar o significado dos resultados obtidos através do cálculo de indicadores
demográficos, refletindo sobre as respetivas implicações do ponto de vista demográfico.
3. Compreender a evolução demográfica mundial
1. Descrever a evolução da população a nível mundial, a partir de leitura de gráficos.
2. Distinguir regime demográfico primitivo de transição demográfica, explosão
demográfica e regime demográfico moderno.
3. Comparar a evolução da população em países com diferentes graus de
desenvolvimento.

4

Geografia 8º ano

4. Explicar a evolução das taxas de natalidade e mortalidade, e de outros indicadores
demográficos, em países com diferentes graus de desenvolvimento.
5. Problematizar as consequências da desigual evolução demográfica em países com
diferentes graus de desenvolvimento.
6. Explicar o impacte dos diferentes regimes demográficos no desenvolvimento
sustentável mundial.
4. Representar a estrutura etária da população e compreender a adoção de diferentes políticas
demográficas
1. Caraterizar a estrutura etária da população, a partir da construção de pirâmides etárias
de diferentes países.
2. Identificar fatores que interferem na evolução da composição da população por grupos
etários e sexo.
3. Discutir as consequências da evolução da composição da população por grupos etários
e sexo, assim como a necessidade de um ajustamento permanente entre os
comportamentos demográficos e os recursos disponíveis.
5. Compreender a diversidade demográfica em Portugal, através da análise de pirâmides etárias
1. Comparar, com recurso a pirâmides etárias, a evolução da estrutura etária da
população em Portugal, nas últimas décadas.
2. Comparar as realidades demográficas regionais em Portugal.
6. Compreender a implementação de políticas demográficas tendo em consideração a realidade
demográfica de um país
1. Distinguir políticas antinatalistas de políticas natalistas, enumerando medidas que
promovam o aumento e a diminuição da natalidade.
2. Referir exemplos de países onde são implementadas políticas natalistas e políticas
antinatalistas.
3. Discutir as políticas demográficas implementadas e a implementar em Portugal em
função da sua realidade demográfica.
Distribuição da população mundial
1. Compreender a distribuição da população mundial
1. Distinguir população total de população relativa/densidade populacional.
2. Descrever a distribuição da população mundial, a partir de mapas, através da
localização dos principais vazios humanos e das grandes concentrações populacionais.
3. Explicar os fatores naturais e humanos que influenciam a repartição mundial da
população.
2. Compreender a distribuição da população em Portugal
1. Interpretar a distribuição da população em Portugal a partir da leitura de mapas,
destacando a litoralização e a bipolarização da sua distribuição.
2. Explicar os principais fatores que influenciam a distribuição da população em Portugal.

5

Geografia 8º ano

Mobilidade da População
1. Compreender as causas e as consequências das migrações
1. Distinguir migração de emigração e de imigração.
2. Caraterizar diferentes tipos de migração: permanente, temporária e sazonal; externa e
interna; intracontinental e intercontinental; clandestina e legal; êxodo rural e deriva
urbana.
3. Explicar as principais causas das migrações.
4. Explicar as principais consequências das migrações nas áreas de partida e nas áreas de
chegada.
2. Compreender os grandes ciclos migratórios internacionais
1. Caracterizar os grandes ciclos migratórios internacionais, através da interpretação de
mapas com os fluxos migratórios.
2. Localizar as principais regiões/países de origem da população migrante e principais
regiões/países de destino da população migrante.
3. Caraterizar a população migrante.
4. Referir os fatores atrativos/repulsivos que influenciam as migrações.
5. Discutir a importância dos movimentos migratórios na redistribuição da população
europeia e mundial.
3. Compreender, no tempo e no espaço, as migrações em Portugal
1. Caraterizar a evolução temporal da emigração em Portugal.
2. Localizar os principais destinos da emigração portuguesa.
3. Caraterizar a evolução da imigração em Portugal, referindo as principais origens dos
imigrantes.
4. Caraterizar a situação atual de Portugal no contexto das migrações internacionais.
Cidades, principais áreas de fixação humana
1. Compreender a origem e o crescimento das cidades
1. Referir critérios utilizados na definição de cidade.
2. Referir fatores responsáveis pelo surgimento das cidades.
3. Explicar os principais fatores de crescimento das cidades em países com diferentes
graus de desenvolvimento.
4. Explicar o processo de formação de uma área metropolitana e de uma megalópolis,
localizando as principais megalópolis, a nível mundial.

Diversidade Cultural
1. Compreender a importância dos fatores de identidade das populações no mundo
contemporâneo
1. Discutir os conceitos de identidade territorial, cultura, etnia, língua, religião; técnicas,
usos e costumes, aculturação, globalização, racismo, xenofobia e multiculturalismo.
2. Explicar de que forma a língua, a religião, a arte, os costumes, a organização social (...)
são fatores de identidade cultural.
3. Relacionar o respeito dos direitos humanos com a construção de sociedades inclusivas.
4. Problematizar as consequências da globalização, tanto na unidade cultural como na
afirmação da diversidade cultural mundial.
5. Refletir sobre a importância da construção de comunidades multiculturais inclusivas
mas também culturalmente heterogéneas, em diferentes territórios (país, cidade, escola).