CURSO
Licenciatura em História

ANO LETIVO
2017

REGIME

DISCIPLINA

Anual

História do Brasil II (Império)

PERIODO/ANO
3° ano
SE
02

CARGA HORÁRIA
PC
TE
TOT
15
40
55

EMENTA
Análise da produção historiográfica sobre o Brasil Império. Estudo crítico dos aspectos econômicos,
políticos e sócio-culturais do Brasil no século XIX, observando as rupturas e continuidades no processo
histórico. Reflexão sobre a transposição didática dos conteúdos para o ensino básico. Trabalho de campo
visando aproximar a teoria com a prática.
OBJETIVOS
Geral
Compreender a estrutura social do Brasil no século XIX, da formação do Estado Nacional até a
implantação da República.
Específicos
-

Debater o processo de formação do Estado Nacional brasileiro e suas ligações com o sistema
colonial;
- Analisar o I Império e a Abdicação;
- Destacar o período regencial, suas crises e a insatisfação popular, evidenciadas nas revoltas
(Balaiada, Cabanagem, Farroupilha, Malês e Sabinada);
- Analisar o II Império;
- Discutir o processo de urbanização, o crescimento da cafeicultura e as crises cisplatinas;
- Analisar a transição para a República;
- Debater a produção historiográfica do período.
BIMESTRE
CONTEÙDO/CRONOGRAMA
- A crise do sistema colonial;
- Os movimentos de rebeldia;
1
- A mudança da família real para o Brasil;
- A independência;
- O primeiro reinado (1822 ­ 1831);
- A transição de sem abalos;
- A constituinte;
- A constituição outorgada (1824);
- A confederação do Equador;
- A abdicação de D. Pedro I;
2
- O período regencial;
- As revoltas provinciais;

3

-

O segundo reinado (1840 ­ 1889);
O "regresso";
A centralização do Império;
O parlamentarismo às "avessas" no Brasil;
Liberais e conservadores: semelhanças e diferenças;
A preservação da unidade territorial;

-

As crises cisplatinas e a guerra do Paraguai;
A crise do segundo reinado;
4
A queda da monarquia;
Historiografia imperial.
METODOLOGIA DE ENSINO
Aulas expositivas participativas; Seminários; Discussão de texto; Filmes; Debates; Trabalhos individuais
e em grupo.
Participações em eventos: XXIX Simpósio Nacional de História 24-28/07/2017, UnB e Simpósio
Nacional de História da UEG, (setembro data prevista), Câmpus Pires do Rio.
RECURSOS DIDÁTICOS E/OU TECNOLÓGICOS
- Livros;
- Artigos científicos;
- Filmes;
- Músicas;
- Data-show;
- Laboratório de Informática;
- Retro-projetor;
- TV/DVD.
CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
- Atividades avaliativas individuais sem consulta, com questões objetivas e subjetivas;
- Seminários;
- Participação das atividades propostas em sala de aula;
- Trabalho individual e em grupo;
PROFESSOR PROPONENTE
Dr. Deuzair José da Silva
REFERÊNICAS BIBLIOGRÁFICAS
A era da escravidão. FIGUEIREDO, Luciano (Org.). Rio de Janeiro: Sabin, 2009. (Coleção Revista de História
no Bolso; 3).
ALENCASTRO, L. F. História da vida privada no Brasil ­ Império: a corte e a modernidade nacional. São
Paulo: Companhia das Letras, 1997.
BOSI, A. Dialética da colonização. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.
COSTA, Emília Viotti da. Da monarquia à república. Momentos decisivos. 5ª ed. São Paulo: Brasiliense. s/d.
FAORO, Raymundo. Os donos do poder: formação do patronato político brasileiro. 12ª ed. São Paulo: Globo,
1997. Volume 1.
Guerras e batalhas brasileiras. FIGUEIREDO, Luciano (Org.). Rio de Janeiro: Sabin, 2009. (Coleção Revista

de História no Bolso; 1).
Introdução ao Brasil. Um banquete no trópico. MOTA, Lourenço Dantas (Organizador). São Paulo: Editora
Senac São Paulo, 1999.
LINHARES, Maria Yedda (org.). História geral do Brasil. Rio de Janeiro: Campus, 1990.
MATTOS, Ilmar R. O tempo saquarema: a formação do estado imperial. São Paulo: Brasiliense, 1987.
MOTA, Carlos Guilherme. 1822, Dimensões. São Paulo: Perspectiva, 1972.
NABUCO, Joaquim. O abolicionismo. Petrópolis: Vozes, 1988
PRADO JÚNIOR. Caio. Evolução política do Brasil ­ colônia e império. 20ª ed. São Paulo: Brasiliense, 1993.
SHWARCZ, Lilia Moritz. As barbas do Imperador: Dom Pedro II, um monarca nos trópicos. São Paulo:
Companhia das Letras, 1998.
URICOCHEA, F. O minotauro imperial: a burocratização do estado patrimonial brasileiro no século XIX. São
Paulo: Difel, 1978.
BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR
ALENCAR, Francisco e outros. História da sociedade brasileira. 2ª ed. Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico,
1985.
CALDEIRA, Jorge. Viagem pela história do Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 1997.
CHIAVENATTO, Júlio José. Genocídio Americano: a guerra do Paraguai. 23ª ed. São Paulo: Brasiliense, s/d.
FAUSTO, Boris. História do Brasil. 8ª ed. São Paulo: Edusp, 2000.
NABUCO, Joaquim. O abolicionismo. Petrópolis: Vozes, 1988.
POMER, LEÓN. Paraguai: nossa gente contra esse soldado. São Paulo: Global, 1997.
FILMES/DOCUMENTÁRIOS
-

1808 ­ A Família Real no Brasil;
1808 ­ A Corte no Brasil 01 ­ a fuga dos reis;
Independência ou Morte;
Os bóias-frias;
O Primeiro Reinado;
A Época Regencial;
O Segundo Reinado;
A queda do Império e a Proclamação da república.
DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA
UEG ­ Câmpus Jussara / 2017