D.O.E. DE 20 DE NOVEMBRO DE 2012
ESCOLA DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO DOS PROFESSORES DO EST. DE SÃO
PAULO PAULO RENATO COSTA SOUZA
Convocação
CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE PROFESSOR EDUCAÇÃO BÁSICA II ­
2012 (SQC-II-QM)
EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA - TERCEIRA ETAPA
A Coordenadora da Escola de Formação e Aperfeiçoamento dos Professores do Estado de São
Paulo "Paulo Renato Costa Souza" da Secretaria de Estado da Educação, nos termos do item 6
inciso XI das Instruções Especiais SE nº 1/2009, publicadas no DOE de 25/12/2009 e retificadas
no DOE 22/01/2010, disciplinadoras do Concurso Público para provimento de cargos de
Professor Educação Básica II, disciplinas: Biologia, Ciências Físicas e Biológicas, Educação Física,
Geografia, História, Inglês, Língua Portuguesa e Educação Especial - Deficiências Auditiva e
Física, CONVOCA os candidatos inscritos no concurso em questão, para a prestação da Prova
de Aptidão, que será realizada nos Municípios listados no Capítulo I deste edital, de acordo
com as seguintes orientações:
A Prova de Aptidão, de caráter eliminatório, será composta por 50 (cinquenta) questões
objetivas, referenciadas aos conteúdos apresentados durante todo o Curso de Formação
Específica para o Concurso Público PEB II, sendo:
20 (vinte) questões referentes ao Núcleo Básico obrigatório para todos os candidatos;
30 (trinta) questões referentes ao perfil específico a cada disciplina.
De acordo com o Regulamento do Curso de Formação Específica do Concurso Público para
Professor Educação Básica II ­ 2012; item B.4.3 e item B8 serão considerados aprovados no
Curso de Formação Específica do Concurso Público para Professor Educação Básica II ­ 2012,
3ª etapa do Concurso Público para Provimento de Cargos de Professor de Educação Básica II
(SQC-II-QM) apenas os candidatos que:
I. cumpram, no mínimo, 75% do total das atividades propostas a cada mês de curso, o que
inclui as atividades web e os encontros presenciais; e
II. participem integralmente de pelo menos 2 encontros presenciais; e
III. obtenham nota igual ou superior a 5 (cinco) em 10 (dez) pontos na Prova de Aptidão.
Desta maneira, os candidatos que não cumprirem os itens I e II acima, ainda que convocados
para a prova, não são aptos para a realização da mesma. Assim, esta convocação perderá o seu
efeito para aqueles candidatos que até o dia 27/11/12 não tenham obtido 75% de atividades
validadas referentes ao mês 4 ­ módulos 14 a 18.
Todos os candidatos aptos a realizarem a prova, farão a prova do primeiro período; e em
seguida a prova do segundo e/ ou terceiro período, conforme a disciplina a que se candidata.
Para os candidatos da disciplina de Educação Especial, as 30 (trinta) questões serão assim
distribuídas:
15 (quinze) questões sobre temas gerais da Educação Especial;
15 (quinze) questões sobre a área especifica de atuação de opção do candidato no concurso
(Deficiência Auditiva ou Deficiência Física).
I. MUNICÍPIOS, DATA E HORÁRIOS DE APLICAÇÃO DAS PROVAS
1. Municípios: As provas serão realizadas nos seguintes municípios:
Araçatuba; Assis; Bauru; Campinas; Fernandópolis; Itapeva; Pirassununga; Presidente
Prudente; Registro; Ribeirão Preto; Santos; São José do Rio Preto; São José dos Campos; São
Paulo; Sorocaba.
2. A prova será aplicada no dia 02/12/2012, em três períodos, conforme segue:
Horários de aplicação:
1º Período de Aplicação ­ Para todos os candidatos.
Disciplina: Núcleo Básico (Formação Pedagógica)

Horário de apresentação: 07h00
Horário de fechamento dos portões: 07h30
Duração total da Prova: 1h30 (uma hora e trinta minutos)
Total de questões: 20
2º Período de Aplicação ­ Para os candidatos a cargos nas Disciplinas: Biologia, Educação
Física, História, Língua Portuguesa.
Horário de Apresentação: 9h30
Horário de Fechamento dos portões: 10h
Duração total da Prova: 02 (duas) horas
Total de questões: 30
3º Período de Aplicação ­ Disciplinas: Ciências Físicas e Biológicas, Geografia, Inglês, Educação
Especial ­ Deficiências: Auditiva e Física.
Horário de Apresentação: 12h30
Horário de Fechamento dos portões: 13h
Duração total da Prova: 02 (duas) horas
Total de questões: 30
3. Em cada período de aplicação, não será permitida a saída de candidato do local de
realização da prova antes de completada 1 (uma) hora do seu início por motivo de segurança,
sob pena de exclusão do Concurso.
4. Os candidatos terão acesso aos locais de realização das provas somente nos horários
estabelecidos no item 2 deste Capítulo de acordo com o período de aplicação.
4.1 Ao término de cada período de aplicação os candidatos deverão ausentar-se do local de
provas acompanhado de seus pertences pessoais.
4.2 Os portões do local de aplicação serão fechados nos horários estabelecidos e não será
permitida a entrada de candidatos retardatários.
II. LOCAIS DE PROVAS
1. O local de realização das provas será divulgado a partir de 21/11 no site
www.vunesp.com.br.
2. Para conhecimento do local da prova, o candidato deverá consultar o site
www.vunesp.com.br.
3. Eventualmente, se por qualquer motivo, o nome do candidato não constar da consulta
relativa aos locais de prova, o mesmo deverá entrar em contato com o Disque VUNESP,
telefone (0XX11) 3874-6300, de segunda a sábado, exceto em feriados, das 8 às 20 horas
(horário de Brasília), para verificar o local em que realizará a prova.
4. Ao candidato só será permitida a realização das provas na respectiva data, local, e horários
constante da convocação.
5. Não haverá segunda chamada ou nova oportunidade para prestar a prova, não podendo o
candidato alegar qualquer desconhecimento sobre sua realização, como justificativa em caso
de atrasos ou de não comparecimento.
6. O não comparecimento à prova, independentemente do motivo alegado, caracterizará
desistência do candidato e resultará em sua eliminação do Concurso Público.
7. O candidato inscrito em mais de uma disciplina deverá verificar atentamente o local e o
horário em que realizará cada uma das provas.
III. IDENTIFICAÇÃO
1. A identificação do candidato, para permitir a sua entrada na sala, dar-se-á mediante
apresentação de documento de identidade original que bem o identifique, como: Cédula de
Identidade expedida pelas Secretarias de Segurança Pública, pelas Forças Armadas, pela Polícia
Militar, pelo Ministério das Relações Exteriores; Cédula de Identidade fornecida por Órgão ou
Conselho de Classe que, por força de Lei Federal vale como documento de identidade, a
exemplo da Carteira da OAB, CREA, CRM, CRC etc.; Carteira Nacional de Habilitação (com
fotografia, na forma da Lei nº 9.503/97), Carteira de Trabalho e Previdência Social, Certificado
de Reservista.

1.1 O documento a ser apresentado pelo candidato deverá estar em perfeitas condições, de
forma a permitir, com clareza, sua identificação.
1.2 Não serão aceitos protocolo, ou quaisquer outros documentos não citados no item 1 deste
Capítulo.
1.3 Caso o candidato esteja impossibilitado de apresentar, no dia de realização das provas,
documento de identidade original, por motivo de perda, furto ou roubo, deverá portar
documento que ateste o registro da ocorrência em órgão policial, expedido há, no máximo, 30
(trinta) dias, sendo submetido à identificação especial, que compreenderá coleta de dados, de
assinatura e de impressão digital em formulário próprio.
2. O candidato que não apresentar o documento conforme item 1, deste Capítulo não fará a
prova, sendo considerado ausente e eliminado do Concurso Público. Documento de Identidade
vencido NÃO SERÁ ACEITO, o que impossibilita o candidato de fazer a prova.
3. A identificação especial será exigida, também, do candidato cujo documento de
identificação gere dúvidas quanto à fisionomia, à assinatura ou à condição de conservação do
documento.
IV. OUTRAS DISPOSIÇÕES
1. O candidato deverá comparecer ao local de realização da prova, com meia hora de
antecedência do seu início, a fim de ser identificado, portando caneta esferográfica de
material transparente e de tinta azul ou preta, lápis preto nº 2 e borracha.
2. O candidato portador de deficiência visual (cego) poderá levar, no dia da aplicação das
provas, reglete e punção, podendo, ainda, utilizar-se de soroban.
3. Não haverá prorrogação do tempo previsto para aplicação das provas em virtude de
afastamento, por qualquer motivo, de candidato da sala ou de local de prova.
4. O candidato não poderá ausentar-se da sala de prova sem o acompanhamento de um fiscal.
5. No caso de amamentação durante a prova, a candidata deverá levar um acompanhante, que
ficará em local reservado para tal finalidade e será responsável pela guarda da criança.
5.1 No momento da amamentação, a candidata deverá ser acompanhada por uma fiscal.
5.2 Não haverá compensação do tempo de amamentação à duração da prova da candidata.
6. Excetuada a situação prevista no item 5, não será permitida a permanência de qualquer
acompanhante nas dependências do local de realização das provas, podendo ocasionar
inclusive a não participação do candidato no Concurso.
7. Durante a prova, não será permitida qualquer espécie de consulta a códigos, livros, manuais,
impressos, anotações ou outro tipo de pesquisa, bem como uso de boné, gorro, chapéu e
óculos de sol.
8. Os aparelhos eletrônicos deverão permanecer lacrados e desligados até a saída do
candidato do local de realização da prova.
9. A Fundação VUNESP poderá utilizar embalagem plástica, para guarda de objetos pessoais do
candidato, inclusive telefone celular ou outro material de comunicação.
9.1 A Fundação VUNESP não se responsabilizará por perda ou extravio de documentos, objetos
ou equipamentos eletrônicos ocorrido no local de prova, nem por danos neles causados.
10. Poderá ser excluído do Concurso Público o candidato que:
a) não comparecer para realizar a prova, seja qual for o motivo alegado;
b) apresentar-se após o horário estabelecido;
c) não apresentar documento para sua identificação;
d) deixar de assinar a Lista de Presença e a respectiva Folha de Resposta;
e) ausentar-se da sala de prova sem acompanhamento do fiscal, ou antes, de decorrida uma
hora de seu início;
f) for surpreendido em comunicação com outro candidato ou terceiros, verbalmente ou por
escrito, bem como fazendo uso de material não permitido para a realização da prova ou
qualquer outro tipo de equipamento eletrônico de comunicação;
g) estiver portando qualquer tipo de equipamento eletrônico de comunicação (bip, máquina e
relógio calculadora, telefone celular, relógios digitais, walkman, agenda eletrônica ou similar,

aparelhos sonoros, walkman, pager, receptor, notebook, palmtop, smartphone, receptor,
gravador ou outros equipamentos similares), bem como protetores auriculares;
h) estiver portando armas, ainda que possua o respectivo porte;
i) descumprir as instruções contidas na prova e as orientações do Fiscal da Sala;
j) lançar mão de meios ilícitos para a execução da prova;
k) fizer anotação de informações relativas às suas respostas em qualquer outro meio que não
os permitidos;
l) não devolver integralmente o material recebido;
m) perturbar, mediante qualquer atitude ou procedimento, a ordem dos trabalhos.
11. O preenchimento da Folha de Respostas personalizada, único documento válido para a
correção da prova, será de inteira responsabilidade do candidato, que deverá proceder em
conformidade com as instruções específicas contidas na capa do respectivo Caderno de
Questões personalizado.
11.1 Os prejuízos advindos de marcações feitas incorretamente na Folha de Respostas serão
de inteira responsabilidade do candidato sendo expressamente vedada a sua substituição, por
qualquer motivo.
11.2 O candidato deverá preencher os alvéolos, na Folha de Respostas, com caneta
esferográfica tinta azul ou preta, não devendo ser feita nenhuma marca fora do campo
reservado às respostas ou à assinatura, pois qualquer marca poderá ser lida pelas leitoras
ópticas, prejudicando o desempenho do candidato.
11.3 Não serão computadas questões não assinaladas ou que contenham mais de uma
resposta, emenda ou rasura, ainda que legível.
12. O candidato deverá conferir seus dados pessoais impressos na Folha de Respostas e no
Caderno de Questões, em especial o seu nome, número do documento de identidade,
cargo/disciplina e Diretoria de Ensino.
13. O candidato, ao terminar a prova, entregará ao Fiscal de Sala o seu Caderno de Questões e
a Folha de Respostas personalizados.
14. Motivará a eliminação do candidato do Concurso Público, sem prejuízo das sanções penais
cabíveis, a burla ou a tentativa de burla a quaisquer das normas definidas neste Edital e/ou em
outros, relativos ao concurso, nos comunicados, nas instruções ao candidato e/ou nas
instruções constantes da prova, bem como o tratamento incorreto e/ou descortês a qualquer
pessoa envolvida na aplicação da prova.
15. Em hipótese alguma haverá vista de prova, seja qual for o motivo alegado.
16. Após a realização da prova, se for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual ou
grafológico, ter o candidato utilizado processos ilícitos, sua prova será anulada e ele será
automaticamente eliminado do Concurso.
17. O Gabarito e os Cadernos de Questões estarão à disposição para consulta dos candidatos,
no site www.vunesp.com.br, a partir do dia 04/12/2012.
RELAÇÃO DOS CANDIDATOS PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA - TERCEIRA ETAPA ­ ORDEM
ALFABÉTICA (PÁG. 59 A 78)
Terça-feira, 20 de novembro de 2012 Diário Oficial Poder Executivo - Seção I São Paulo, 122 (217) ­ 59

(EDITADO POR RAFAEL ­ EXECUTIVO PÚBLICO)
DER - PENÁPOLIS