GOVERNODOESTADODESÃOPAULO
SECRETARIADEESTADODAEDUCAÇÃO
COORDENADORIADEGESTÃODERECURSOSHUMANOS


CONCURSOPÚBLICO2013PARAPROFESSORDEEDUCAÇÃOBÁSICAII




ProvaEscritaObjetivaeDissertativa

Conhecimentos Pedagógicos
Tipo1­Branca
InformaçõesGerais

1. Vocêreceberádofiscaldesala:
a) uma folha de respostas destinada à marcação das
respostas das questões objetivas da transcrição do texto
definitivodasquestõesdissertativas;
b) essecadernodeprovacontendo50(cinquenta)questões
objetivas, cada qual com cinco alternativas de respostas
(A,B,C,DeE)e02(duas)questõesdissertativas.
2. Verifique se seu caderno está completo, sem repetição de
questõesoufalhas.Casocontrário,notifiqueimediatamente
o fiscal de sala para que sejam tomadas as devidas
providências.
3. As questões objetivas são identificadas pelo número situado
acimadoseuenunciado.
4. Aoreceberafolhaderespostas,vocêdeve:
a) conferir seus dados pessoais, em especial seu nome,
número de inscrição e o número do documento de
identidade;
b) ler atentamente as instruções para o preenchimento da
folhaderespostaseparaatranscriçãodotextodefinitivo
dasquestõesdiscursivas;
c) marcar na folhas de respostas o campo relativo à
confirmação do tipo/cor de prova, conforme o caderno
quevocêrecebeu;
d) assinar seu nome, apenas nos espaços reservados, com
canetaesferográficadetintaazuloupreta.
5. Duranteaaplicaçãodaprovanãoserápermitido:
a) qualquertipodecomunicaçãoentreoscandidatos;
b) levantardacadeirasemadevidaautorizaçãodofiscalde
sala;
c) portar aparelhos eletrônicos, tais como bipe, telefone
celular, agenda eletrônica, notebook, palmtop, receptor,
gravador, máquina de calcular, máquina fotográfica
digital, controle de alarme de carro etc., bem como
relógiodequalquermodelo,óculosescurosouquaisquer
acessórios de chapelaria, tais como chapéu, boné, gorro
etc. e, ainda, lápis, lapiseira (grafite), corretor líquido
e/ou borracha. Tal infração poderá acarretar a
eliminaçãosumáriadocandidato.

6. O preenchimento da folha de respostas, de inteira
responsabilidade do candidato, deverá ser feito com caneta
esferográficadetintaindeléveldecorpretaouazul.Nãoserá
permitida a troca da folha de respostas por erro do
candidato.
7. O tempo disponível para a realização da prova é de
04 (quatro) horas, já incluído o tempo para a marcação da
folhaderespostas.
8. Reserve tempo suficiente para o preenchimento de suas
respostas. Para fins de avaliação, serão levadas em
consideração apenas as marcações realizadas na folha de
respostas,nãosendopermitidoanotarinformaçõesrelativas
às suas respostas em qualquer outro meio que não seja o
própriocadernodeprova.
9. Somentedepoisdedecorridasduashorasdoiníciodaprova
vocêpoderáretirarsedasaladeprova,contudosemlevaro
cadernodeprova.
10.Somente no decorrer dos últimos 60 (sessenta) minutos do
período da prova, você poderá retirarse da sala levando o
cadernodeprova.
11.Ao terminar a prova, entreguea folha de respostas ao fiscal
da sala e deixe o local de prova. Caso você se negue a
entregar,seráeliminadodoconcurso.
12.A FGV realizará a coleta da impressão digital dos candidatos
nafolhaderespostas.
13.Oscandidatospoderãosersubmetidosasistemadedetecção
de metais quando do ingresso e da saída de sanitários
durantearealizaçãodaprova.Aosairdasala,aotérminoda
prova,ocandidatonãopoderáusarosanitário.
14.Os gabaritos preliminares das provas objetivas serão
divulgados no dia 18/11/2013, no endereço eletrônico
www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/pebsp.
15.O prazo para interposição de recursos contra os gabaritos
preliminares será das 0h00min do dia 19/11/2013 até as
23h59mindodia20/11/2013,observadoohoráriooficial,no
endereço www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/pebsp, por
meiodoSistemaEletrônicodeInterposiçãodeRecurso.

FGV-Projetos

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

04

ConhecimentosPedagógicos

As alternativas a seguir apresentam princípios norteadores do
projetopolíticopedagógico,àexceçãodeuma.Assinalea.
(A) Aqualidadeeducacionalnãopodeserprivilégiodeminorias
econômicas e sociais. O desafio para o projeto político
pedagógicodaescolaéodepropiciarqualidadeparatodos.
(B) O projeto políticopedagógico exige dos educadores,
funcionários,alunosepaisadefiniçãoclaradotipodeescola
queintentam,contudo,semlimitarademarcaçãodefins.
(C) A gestão democrática no interior da escola não é um
princípio fácil de ser consolidado, pois se trata da
participação crítica na construção do projeto político
pedagógicoedasuagestão.
(D) A formação continuada deve estar centrada na escola e
fazerpartedoprojetopolíticopedagógico.
(E) Apreocupaçãocomaigualdadedecondiçõesparaacessoe
permanêncianaescolaéumfatorrelevantenaformulação
doprojetopolíticopedagógico.

01
Luckesi (2011) afirma que o exercício pedagógico escolar está
estruturadoemumapedagogiadoexamemaisdoqueemuma
pedagogiadeensino/aprendizagem.
Assinaleaalternativaqueapresentaumapráticavoltadaparaa
pedagogiadoensino/aprendizagem.
(A) Os alunos estão com a atenção centrada na promoção e,
porisso,procuramsaberasnormaseosmodospelosquais
asnotassãoobtidas.
(B) Os professores utilizam as provas como instrumentos de
ameaça, alegando ser um elemento motivador da
aprendizagem.
(C) Os pais, em geral, ficam na expectativa das notas de seus
filhos,istoé,oimportanteéquetenhamnotaparaserem
aprovados.
(D) A avaliação é vista como um diagnóstico da qualidade dos
resultados implicando, caso não tenha sido satisfatório,
aretomadadocursodaação.
(E) Oensinocentrasenotreinamentopararesolverquestões,
tendoemvistaapreparaçãoparaaprova.

05
Para que o docente possa ter uma prática intercultural, é
necessário conhecer, na teoria, as características que
permeiamaculturaescolareaculturadaescola.
Relacione os conceitos listados a seguir aos seus respectivos
atributos.
1. Culturaescolar
2. Culturadaescola
()Apresenta parâmetros de homogeneização, normatização,
rotinizaçãoedidatização.
()Apresenta múltiplas vertentes de cultura vivida,
intercambiada, na qual atuam as culturas sociais de
referênciadosatoresdeespaçoescolar.
() Está associada ao currículo formal, aos conteúdosobjeto a
seremtrabalhadosnoprocessoensinoaprendizagem,aoque
épropostopelaescolacomofinalidadedeaprendizagem.
()Está associada ao currículo vivido, constituído pelo
intercâmbio e pelas interações presentes na dinâmica
escolar de transmissãoassimilação, em que estão
presentes crenças, aptidões, valores, atitudes e
comportamentosdossujeitosenvolvidosnesseprocesso.
Assinale a alternativa que mostra a relação correta, na ordem
decimaparabaixo.
(A) 1­2­1­2
(B) 1­1­2­2
(C) 2­1­2­1
(D) 2­2­1­1
(E) 2­2­1­2

02
"Podemos dizer que a atual prática da avaliação escolar (...)
possibilitaumprocessocadavezmenosdemocráticonoquese
referetantoàexpansãodoensinoquantoàsuaqualidade."
(Luckesi,2011)
Segundoesseautor,devehaverumamaiorarticulaçãoentrea
avaliaçãoeoplanejamentoporque
(A) enquantooplanejamentoéoatopeloqualsedecideoque
construir, a avaliação é o ato crítico que subsidia a
verificaçãodecomoestásendoconstruídooprojeto.
(B) enquanto o planejamento permite rever o projeto
pedagógico, a avaliação possibilita mudar os processos de
ensino.
(C) enquanto a avaliação dimensiona o que se vai construir, o
planejamentosubsidiaessaconstruçãoporquefundamenta
novasdecisões.
(D) enquanto a atividade de avaliar dimensiona política e
tecnicamenteaatividadeescolar,oplanejamentodeveser
construídoportodosquecompõemocorpoprofissionalda
escola.
(E) enquanto o planejamento identifica impasses e encontra
caminhos para superálos, a avaliação subsidia soluções
alternativasparaumdeterminadopercursodeação.

03

06

AssinaleaalternativaqueindicaumaaçãodoGovernoFederal,
implantada em 2007, voltada para a qualidade da Educação
Pública.
(A) PISA(ProgramaInternacionaldeAvaliaçãodosEstudantes).
(B) IDEB(ÍndicedeDesenvolvimentodaEducaçãoBásica).
(C) LLECE (Laboratório Latinoamericano de Avaliação da
QualidadedaEducação).
(D) ANA(AvaliaçãoNacionaldaAlfabetização)
(E) ENEM(ExameNacionaldoEnsinoMédio).

Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

Silva (2004) afirma que os textos de Paulo Freire têm
implicaçõesimportantesparaateorizaçãosobreocurrículo.
AcríticadePauloFreireaocurrículoexistenteestásintetizada
(A) noconceitodeeducaçãobancária.
(B) noconceitodeeducaçãoproblematizadora.
(C) noconceitodemídiaeducação.
(D) noconceitodeeducaçãolibertária.
(E) noconceitodeeducaçãomulticultural.



Tipo 1 ­ Cor Branca ­ Página 3

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

FGV-Projetos

07

10

Asalternativasaseguirapresentamprocedimentosquedevem
ser adotados para operacionalizar a avaliação, à exceção de
uma.Assinalea.
(A) Articular o instrumento com os conteúdos planejados,
ensinadoseaprendidospeloseducandos.
(B) Cobrir uma pequena amostra de todos os conteúdos
ensinadoseaprendidos.
(C) Compatibilizar os níveis de dificuldade do que está sendo
avaliadocomosníveisdedificuldadedoquefoiensinado.
(D) Compatibilizar as habilidades do instrumento de avaliação
comashabilidadestrabalhadasnaprática.
(E) Usarumalinguagemclaraecompreensível,parasalientaro
quesedesejapedir.

ArespeitodahistóriadaeducaçãosexualnoBrasil,relacioneos
períodoslistadosaseguircomsuasrespectivascaracterísticas.
1. Iníciodadécadade1920
2. 1928até1950
3. Anos1960
4. Anos1970
5. Anos1980
6. 1995
()Intensificamseosdebateseressurgemprojetoslegislativos
voltados para a educação sexual; a visibilidade do
movimentofeministatemlugaremtaldinâmica.
()A orientação sexual é assumida nos Parâmetros
Curriculares para o Ensino Fundamental (PCNs), como um
dos "temas transversais" da programação pedagógica, de
formaarticuladacomdiversasdisciplinaseoutrostemas.
()Com a expansão da AIDS e dos casos de gravidez entre
adolescentes,aorientaçãosexualpassouaserpreocupação
dasescolas,principalmenteasdaredeprivada.
()Surgemideiasinovadoras,defendidasporfeministascomo
BertaLutz;reivindicaseaadoçãodaeducaçãosexualcom
oobjetivodeproteçãoàinfânciaeà maternidade.
()As experiências de educação sexual aplicadas em algumas
escolas no Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo
resultaramemperseguiçãoaseusdiretores.
()Nesse período, apesar da educação sexual ter sido
aprovada pelo Congresso Nacional houve retrocessos,
principalmenteporinfluênciadaIgreja.
Assinale a alternativa que mostra a relação correta, na ordem
decimaparabaixo.
(A) 4­5­6­1­3­2
(B) 4­6­5­1­3­2
(C) 4­6­5­2­1­3
(D) 5­6­4­2­1­3
(E) 5­6­4­1­3­2

08
Relacione os conceitos listados a seguir com sua respectiva
definição.
1. Multiculturalismo
2. Interculturalismo
3. Pluriculturalismo
()Enfatizaamanutençãodaidentidadedecadacultura.
()Enfatizaarelaçãoentreculturas.
()Reconhece que, em um mesmo território, existem
diferentesculturas.
Assinale a alternativa que mostra a relação correta, na ordem
decimaparabaixo.
(A) 1­2­3
(B) 1­3­2
(C) 2­3­1
(D) 3­2­1
(E) 3­1­2

09
Muitas vezes, no cotidiano das avaliações escolares, o que é
ensinadoimportamaisqueoqueéaprendido.
DeacordocomLuckesi(2011),avaliarvemdolatim,"avalere",
ouseja,"darvalora...",demodoquea"avaliação"refereseà
capacidade de se atribuir uma qualidade ou valor a um
determinadoobjetoouaalgo.
As alternativas a seguir estão de acordo com a perspectiva
defendidaporesseautor,àexceçãodeuma.Assinalea.
(A) A avaliação deve se constituir em uma prática seletiva,
permitindosepararosalunosembememalsucedidos,para
valorizarapenasosalunosbemposicionados.
(B) A avaliação da aprendizagem deve ser vista como um ato
acolhedor, integrativo, inclusivo, uma vez que fornece
suporteparamudanças.
(C) Aavaliaçãodaaprendizagemtemdoisobjetivos:auxiliaro
alunonoseudesenvolvimentopessoal,apartirdoprocesso
de ensinoaprendizagem, e responder à sociedade pela
qualidadedotrabalhorealizado.
(D) A avaliação deve reconhecer as tradições culturais e
valorizarosconhecimentospréviostrazidospelosalunos.
(E) Oeducandonãodevesercastigadopelosoutrosouporsi
mesmoemfunçãodeumaavaliação"malsucedida".Deve
se utilizála positivamente para avançar na busca da
soluçãopretendida.

Página 4 ­ Tipo 1 ­ Cor Branca

11
SegundoSilva(2004),háváriasperspectivasmulticulturalistas.
Assinaleaalternativaqueapresentaapropostadaperspectiva
multiculturalistaliberalouhumanista.
(A) Enfatiza um currículo que ataca os valores da
nacionalidade,dafamíliaedaherançaculturalcomum.
(B) Enfatizaumcurrículoquesubstituaasobrasdeexcelência
da produção intelectual ocidental por obras consideradas
intelectualmenteinferiores.
(C) Enfatiza um currículo em que as diferenças estão sendo
constantementeproduzidasatravésderelaçõesdepodere
queasdiferençasnãodevemserrespeitadas.
(D) Enfatiza um currículo baseado nas ideias de tolerância,
respeitoeconvivênciaharmoniosaentreasculturas.
(E) Enfatiza um currículo de múltiplas identidades e tradições
culturais,fragmentandoumaculturanacionalecomum.



Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

FGV-Projetos

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

12

15

"Trabalhar com a educação envolve também o
desenvolvimentodeumolharatentoaosmodoscomoasmídias
mobilizam as audiências e aos usos que diferentes grupos
sociaisfazemdastecnologiasdeinformaçãoecomunicação".

Sobre o desenvolvimento da teoria crítica do currículo, um
marco fundamental é o trabalho desenvolvido por Pierre
BourdieueJeanClaudePasseronemAreprodução.
Assinaleaalternativaqueapresentaasprincipaisideiasdesses
autores.

(OROFINO,MariaIsabel,EducaçãoIntercultural,Fleuri,2003)

Assinale a alternativa que retrata a postura defendida pela
autora.
(A) A escola, na condição de instituição social, não deve
desempenharumpapelestratégicocomoespaçodecrítica
ao consumo social das mídias porque essa é uma função
dasfamílias.
(B) É inviável a construção de uma pedagogia dos meios
(recepção e produção crítica) no desenvolvimento do
consumoculturalreflexivo.
(C) A escola atua em nível local e, por isso não consegue
intervir em processos de consumo crítico e de
ressignificação das mensagens difundidas pelos meios de
comunicação.
(D) Aescolasolicitaquecriançaseadolescentestenhamacesso
igualitário a essas novas mídias acompanhadas de
mediações,ouseja,deumconsumoreflexivo.
(E) O papel da escola é reproduzir a ideologia dominante
porque não se configura como um espaço cultural para o
desenvolvimentocrítico.

(A) A escola contribui para a reprodução da sociedade
capitalista ao transmitir, por meio das matérias escolares,
as ideias que nos fazem ver os arranjos sociais existentes
comobonsedesejáveis.
(B) Aculturafuncionacomoumaeconomia,comodemonstra,
porexemplo,autilizaçãodoconceitode"capitalcultural";
ocurrículodaescolaestábaseadonaculturadominante.
(C) Não é suficiente postular um vínculo entre as estruturas
econômicas e sociais mais amplas e a educação e o
currículo; o que ocorre na educação e no currículo não
pode ser simplesmente deduzido do funcionamento da
economia.
(D) A vida social em geral e a pedagogia e o currículo em
particular não são feitos apenas de dominação e controle;
devehaverumlugarparaaoposiçãoearesistência,paraa
rebeliãoeasubversão.
(E) Nãosepodesepararasquestõesdecurrículodasquestões
pedagógicas e de avaliação; em outras palavras, não se
pode separar a análise de uma organização do
conhecimento das formas de transmissão e avaliação do
conhecimento.

13
Em1931,durantea"IVConferênciaNacionaldeEducação",foi
solicitado aos conferencistas que formulassem um plano com
princípiosorientadoresdapolíticaeducacional.
Assinale a alternativa que indica o nome do documento que
representa o desejo de um novo modelo educacional para o
Brasil.
(A) PlanoNacionaldeEducação.
(B) ParâmetrosCurricularesNacionais.
(C) Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação
BásicaeValorizaçãodosProfissionaisdeEducação.
(D) ManifestodosPioneirosdaEducaçãoNova.
(E) LeideDiretrizeseBasesdaEducaçãoNacional.

16
Tardif e Lessard (2005) destacam que a noção de experiência
designaavivênciaprática(docênciainlocu).
Comrelaçãoànecessidadedaexperiênciaoriundadotrabalho,
assinaleVparaaafirmativaverdadeiraeFparaafalsa.
()A experiência cumpre uma função acrítica, levando o
docenteàaceitaçãoincondicionaldasdiretivasoficiais,das
orientaçõescurriculares,dosconhecimentosformais,etc..
()Aformaçãoinicialnãorealizasuaspromessas,forçandoos
professores a inventarem seu próprio conhecimento
concretodetrabalhoapartirdasuarealização.
()Aexperiênciasecristalizanosaberfazer,realizandosenas
rotinasdetrabalho.
Asafirmativassão,respectivamente,
(A) F,VeV.
(B) F,VeF.
(C) F,FeV.
(D) V,VeF.
(E) V,VeV.

14
Tardif e Lessard (2005) afirmam que a questãoda preparação
das aulas constitui uma tarefa importante e regular dos
professores.
Comrelaçãoaoselementosquedevemserconsideradosparao
planejamento do ensino, assinale V para a afirmativa
verdadeiraeFparaafalsa.
()Aorganizaçãodoconteúdo,otempoeoespaçodisponíveis
e o material pedagógico são fundamentais para que a aula
transcorrademodoproveitoso.
()A natureza da matéria a ser ensinada e seu grau de
dificuldadesãolevadosemconta,alémdalógicanecessária
pararelacionálacomoutrasmatérias.
()O conhecimento do professor sobre os alunos, suas
diferenças, habilidades e interesses não devem ser
consideradosparaaadoçãodemedidasespeciais.
Asafirmativassão,respectivamente,
(A) F,VeF.
(B) V,FeF.
(C) V,VeF.
(D) F,VeV.
(E) F,FeV.
Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos



Tipo 1 ­ Cor Branca ­ Página 5

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

FGV-Projetos

17

20

A evolução da tecnologia tornou possível a criação da
"educomunicação", que sugere a incorporação de recursos
tecnológicos e técnicas da comunicação na aprendizagem.
Destamaneira,constituisecomoumconjuntodepráticasque
propiciam a introdução dos recursos da informação no ensino,
não apenas como instrumentos didáticos (tecnologias
educativas)ouobjetodeanálise(leituracríticadosmeios),mas,
principalmente, como meio de expressão e de produção
cultural.
Assinale a alternativa que representa uma atividade nesta
perspectiva.

A pesquisa Juventudes e Sexualidade de Abramovay et al.
(2004)mostraqueprofessorestêmdificuldadeemtrabalharas
temáticas sexualidade e afetividade em sala de aula. Muitas
vezes, abordam o estudo do corpo sob uma visão higienista,
delegando essa tarefa ao campo da biologia ("saber
competente").
Assinaleaalternativaqueexemplificaumapropostaalternativa
àvisãohigienistasobresexualidadenasescolas.
(A) A tônica seria o discurso científico e a preocupação
com a reprodução, afirmando o lugar da medicina no
disciplinamentodocorpo.
(B) O alicerce seria uma programação pedagógica que
articulasse diversas disciplinas e integrasse outros temas,
como ética, saúde, gênero, meio ambiente e pluralidade
cultural.
(C) Asexualidadedevesertrabalhadapormeiodemanuaisque
abordam a fisiologia do aparelho genital, mas sem
problematizaraquestãodoprazer.
(D) NessestemposdeAIDSdeveseabordarasexualidadenão
por aspectos emocionais e de prazer, mas exclusivamente
poraspectosbiológicosligadosàpreservaçãodasaúde.
(E) AbaseseriaapreocupaçãocomaexpansãodaAIDSedos
casos de gravidez entre adolescentes, tônica única que
devecontinuarprevalecendo.

(A) Criarumvídeoapartirdeumtemadebatidoemsala.
(B) Editartextosparaarealizaçãodetarefas.
(C) Utilizarslidesparaaapresentaçãodetrabalhos.
(D) Empregarsoftwaresqueosalunostenhamcuriosidadeem
conhecer.
(E) Aplicarferramentasdeediçãodeimagens.

18
Zabala e Arnau (2010), em "Como aprender e ensinar
competências", discutem como as competências devem ser
trabalhadasnomundoescolar.
As alternativas a seguir apresentam os diferentes campos em
que as competências devem ser trabalhadas, à exceção de
uma.Assinalea.
(A) CampoSocial.
(B) CampoPessoal.
(C) CampoReligioso.
(D) CampoProfissional.
(E) CampoInterpessoal.

21
Leiaofragmentoaseguir:
"Apedagogiarenovadaou_____,estácentradanos_____,na
espontaneidade da produção do conhecimento e no educando
comsuas_____individuais."
Assinaleaalternativaquecompletacorretamenteaslacunasdo
fragmentoacima.
(A) Tecnicista­sentimentos­desigualdades
(B) Escolanovista­sentimentos­diferenças
(C) Tecnicista­conteúdos­desigualdades
(D) Tradicional­sentimentos­diferenças
(E) Escolanovista­conteúdos­identidades

19
SegundoosdadosdaOCDE(OrganizaçãoparaaCooperaçãoe
Desenvolvimento Econômico) o tempo legal de ensino
presencialdos alunos varia consideravelmente de um país a
outro.
De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases (Lei n. 9.394/96), a
educação, nos níveis fundamental e médio, será organizada
cumprindoacargamínimaanualde
(A) oitocentas horas, distribuídas por um mínimo de duzentos
dias de efetivo trabalho escolar, incluindo o tempo
reservadoaosexamesfinais,quandohouver.
(B) oitocentas horas, distribuídas por um mínimo de duzentos
dias de efetivo trabalho escolar, excluído o tempo
reservadoaosexamesfinais,quandohouver.
(C) oitocentashoras, distribuídas por um mínimo de duzentos
e vinte dias de efetivo trabalho escolar, excluído o tempo
reservadoaosexamesfinais,quandohouver.
(D) seiscentas horas, distribuídas por um mínimo de duzentos
dias de efetivo trabalho escolar, incluindo o tempo
reservadoaosexamesfinais,quandohouver.
(E) seiscentashoras,distribuídasporummínimodeduzentose
vinte dias de efetivo trabalho escolar, excluído o tempo
reservadoaosexamesfinais,quandohouver.

Página 6 ­ Tipo 1 ­ Cor Branca

22
Leiaofragmentoaseguir.
"O desenvolvimento pessoal é um processo de aprimoramento
dascapacidadesdeagir,pensareatuarnomundo,bemcomo
de atribuir significados e ser percebido e significado pelos
outros, apreender a diversidade, situarse e pertencer.
Aeducaçãotemdeestaraserviçodessedesenvolvimento,que
coincidecomaconstruçãodaidentidade."
(SÃO PAULO. Currículo do Estado de São Paulo: Linguagens, códigos e suas
tecnologias.SecretariadaEducação,2ªed.­2011,p.11)

Assinale a alternativa que indica o conceito apresentado no
fragmentoacima.
(A) Anarquia.
(B) Autonomia.
(C) Taxionomia.
(D) Oligarquia.
(E) Heteronomia.



Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

FGV-Projetos

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

23

26

Leiaofragmentoaseguir.
"Alémdasnovasdemandasedosentravesdocenárioescolare
suasprópriascondiçõesdevidaedetrabalho,oprofessorainda
sedeparacomoutrasdificuldadesquecomplicamarealização
das intenções dos PCNs de ênfase em parâmetros curriculares
nãotradicionais,comosexualidadeegênero".
(Abramovayetal.,2004)
Assinaleaalternativaqueapresentaapropostaquetemcomo
objetivomitigaroapresentadonofragmento.
(A) Suspender a aplicação do tema transversal orientação
sexual.
(B) Deixar o tema da sexualidade e da afetividade como
responsabilidade exclusiva dos professores da área de
Biologia,jáqueconfiguramo"sabercompetente".
(C) Capacitarosprofessoresparalidarcomotemasexualidade.
(D) Delegar a responsabilidade pela orientação sexual aos
movimentossociais.
(E) Delegar a responsabilidade pela orientação sexual às
famíliasdosalunos.

Planejar é uma atividade cotidiana que abrange desde os
afazeresmaissimples,comoiraomercadoefazercompras,até
aquelesmaiscomplexoseelaborados,comooplanejamentode
grandes empresas e instituições. Planejamento pode ser
entendido como um processo, mas também como uma
ferramentadetrabalho.
Assinale a afirmativa que apresenta a definição de
planejamento.
(A) É um procedimento importante para a estrutura escolar,
aindaquenãoapresenteumafinalidadeespecífica.
(B) Éumprocessoqueserestringe,nocampoeducacional,aos
planosdeauladoprofessoreaocalendáriodeatividades.
(C) É um processo estático que envolve tomadas de decisões
imediatas.
(D) Éumprocessoqueserealizaemetapasquenãopodemser
modificadasnemsubstituídas.
(E) Éumprocessocontínuoqueenvolveelaboração,execução
eavaliação.

27
Os Temas Transversais dos Parâmetros Curriculares Nacionais
(PCNs) devem estar presentes no projeto educativo da escola
atravésdetrêspatamares:(i)oconvívioescolar;(ii)oeducador
como cidadão e (iii) a interação entre escola, comunidade e
outrasinstituições.
Comrelaçãoaoconvívioescolar,assinaleaafirmativacorreta.

24
O indivíduo é um sujeito histórico que, em constante relação
com o mundo, constrói conhecimento a partir de alguma
"bagagem"quetrazconsigo.Esseprocessosedápelainteração
socialmediadapelalinguagem.
Assinale a alternativa que apresenta essa concepção de
conhecimento.
(A) Efeitopigmaleão.
(B) Conhecimentoprévio.
(C) Aprendizagemmemorística.
(D) Educaçãobancária.
(E) Educaçãoespontaneísta.

(A) A criação de condições necessárias para a aplicação dos
temas transversais é de exclusiva responsabilidade da
gestãoescolar.
(B) Os responsáveis pela criação do clima escolar favorável
para o convívio e para a aprendizagem são os professores
daequipedegestão,semaparticipaçãodosalunos.
(C) Os temas transversais devem ser cobrados apenas nas
avaliações.
(D) As práticas e ações cotidianas nos diferentes âmbitos e
esferasdaescoladevemvalorizarostemastransversais.
(E) As propostas de trabalho com temas transversais devem
ser criadas pelos professores, pois só eles são capazes de
articulálascomosconteúdoscurriculares.

25
Leiaofragmentoaseguir:
"O conceito referese a um tipo _____ de relacionamento
interpessoal que ocorre tipicamente dentro de um grupo e é
caracterizado por repetidos comportamentos de _____ e de
_____ em relação a outra pessoa que está em posição de
desvantagem.Podeserconsideradoumtipoderelacionamento
especialmente prejudicial quando está entre as pessoas que
compartilham_____."

28
Com relação às consequências da "pedagogia do exame" nas
práticaspedagógicas,analiseasafirmativasaseguir.
I. Asprovassãopreparadaspelosprofessorespara"reprovar"
os alunos e muitas vezes apresentam questões com um
níveldecomplexidademaiordoqueoensinado.
II. Osprofessorespremiamoupunemosalunoscom"pontos
extras"emtarefas/funçõesnãorelacionadasaosconteúdos
dasdisciplinas.
III. Os professores utilizam as avaliações não no sentido de
monitoramento da aprendizagem, mas sim de
disciplinamentosocialdosalunos.
Assinale:
(A) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
(B) sesomenteaafirmativaIIestivercorreta.
(C) sesomenteaafirmativaIIIestivercorreta.
(D) sesomenteaafirmativaIeIIestiveremcorretas.
(E) setodasasalternativasestiveremcorretas.

(DelBarrio,C.,Martín,E.,Almeida,A.&Barrios,A.(2003).Delmaltratoyotros
conceptosrelacionadosconlaagresiónentreescolares,ysuestudiopsicológico.
InfanciayAprendizaje,26,924).

Assinaleaalternativaquepreenchecorretamenteaslacunasdo
fragmentoacima.
(A) promissor­diversidade­inclusão­diferentesopiniões
(B) estagnante­exclusão­inclusão­umavidacomum
(C) próspero­acomodação­aceitação­visõesopostas
(D) perverso­bullying­exclusão­omesmostatus
(E) cruel ­ pouca preocupação ­ esperança ­ desejo de
integração

Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos



Tipo 1 ­ Cor Branca ­ Página 7

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

FGV-Projetos

29

31

NaediçãodaProvaBrasilde2011,foiperguntadoaosdiretores
das escolas, como o Projeto Político Pedagógico havia sido
desenvolvido naquele ano. A tabela abaixo apresenta o
percentualválidodasrespostasdosdiretoresparaoestadode
SãoPaulo.

Comrelaçãoàpluralidadecultural,enquantotematransversal,
analiseosfragmentosaseguir.
"Reconheceradiferençaculturalnasociedadeenaescolatraz
como primeira implicação, para a prática pedagógica, o
abandonodeumaperspectivamonocultural"
(MOREIRA, Antonio F. Barbosa. Currículo, diferença cultural e diálogo. Revista
Educação&Sociedade,anoXXIII,n.79.Agosto/2002,p.25)

O modelo encaminhado pela Secretaria da
Educação

18,4%

Foielaborado pormim

0,2%

Elaborei uma proposta do projeto, apresenteia
aos professores para sugestões e só depois
escreviaversãofinal

"OtemaPluralidadeCulturalofereceaosalunosoportunidades
de conhecimento de suas origens como brasileiros e como
participantesdegruposculturaisespecíficos".

7,0%

(BRASIL. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL. Parâmetros Curriculares
Nacionais:TemasTransversais:PluralidadeCultural.Brasília:MEC/SEF,1997,p.137)

Osprofessoreselaboraramumapropostae,com
basenela,escreviaversãofinal

4,2%

Uma equipe de professores e eu elaboramos o
projeto

15,0%

Professores,pais,outrosservidores,estudantese
eumontamosoprojeto

44,3%

Foielaborado deoutramaneira

8,8%

Nãoseicomofoidesenvolvido

1,3%

NãoexisteProjetoPedagógico

0,8%

Assinale a alternativa que apresenta a capacidade a ser
desenvolvidaemsaladeaulaemumaperspectivadetrabalho
transdisciplinaremulticultural.
(A) Compreender a desigualdade social como um problema
que está presente em todos os tipos de sociedade e,
portanto,éumarealidadeinábildemudanças.
(B) Reconhecerasqualidadesdaprópriaculturacomolegítimas
edominantesemrelaçãoàsdemais.
(C) Perceber a diversidade étnica e cultural como um direito
dos indivíduos e dos grupos que a compõem, como um
elementoimportantenaconstruçãodademocracia.
(D) Compreender a pluralidade cultural como uma conquista
da sociedade brasileira, em que as questões étnicas e
raciais já foram superadas devido aos processos
emancipatórios.
(E) Reconhecer no processo histórico formador da cultura
brasileira, a cultura portuguesa como aquela que
contribuiu, de maneira exclusiva, para a construção da
identidadebrasileira.

(Fonte:QuestionáriodoDiretorProvaBrasil2011)

Assinale a alternativa na qual Projeto Político Pedagógico
relacionasecomumagestãodemocráticadeensino.
(A) OmodeloencaminhadopelaSecretariadaEducação.
(B) A direção elabora uma proposta do projeto, apresentaa
aosprofessoresparasugestõesesódepoisredigeaversão
final.
(C) Osprofessoreselaboramumapropostae,combasenela,a
direçãoredigeaversãofinal.
(D) Umaequipedeprofessoreseadireçãoelaboramoprojeto.
(E) Professores, pais, outros servidores, estudantes e direção
participamdaelaboraçãodoprojeto.

32
Com relação ao planejamento do ensino, assinale V para a
afirmativaverdadeiraeFparaafalsa.
()É a previsão das situações especificas do professor com a
classe.
()Éaprevisãodetodasasatividadesqueoeducandorealiza
sobaorientaçãodaescolaparaatingirosfinsdaeducação.
()É o processo de tomada de decisão que visa à
racionalizaçãodasatividadesdoprofessoredosalunos,na
situaçãodeensinoaprendizagem.
Asafirmativassão,respectivamente,
(A) V,VeF
(B) V,VeV
(C) V,FeV
(D) F,Fe V
(E) F,VeF

30
ComrelaçãoaoSistemadeAvaliaçãodeRendimentoEscolardo
EstadodeSãoPaulo­SARESP,analiseasafirmativasaseguir.
I. É uma avaliação interna da Educação Básica recomendada
desde 1996 pela Secretaria da Educação do Estado de São
Paulo(SE/ESP).
II. Em2013,serãoavaliadostodososalunosdo2º,3º,5º,7ºe
9º anos do Ensino Fundamental e da 3ª série do Ensino
Médio das escolas estaduais na modalidade de Ensino
Regular.
III. OsresultadosdaavaliaçãodoSARESPemLínguaPortuguesa
eMatemáticanãosãocomparáveisentreosanosnemcomo
sistemadeAvaliaçãodaEducaçãoBásica(SAEB).
Assinale:
(A) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
(B) sesomenteaafirmativaIIestivercorreta.
(C) sesomenteaafirmativaIIIestivercorreta.
(D) sesomenteaafirmativaIeIIestiveremcorretas.
(E) setodasasafirmativasestiveremcorretas.

Página 8 ­ Tipo 1 ­ Cor Branca



Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

FGV-Projetos

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

33

35

"Ensinar é atuar ao mesmo tempo com grupos e com
indivíduos, é perseguir fins imprecisos e, ao mesmo tempo,
educar e instruir, etc. Essas características constituem tensões
internas à profissão, pois, devido à própria natureza da
organizaçãonaqualtrabalham,osdocentessãoconvocadosa
resolver ­ ou, pelo menos, tentar resolver ­ os dilemas que se
apresentamnopróprioambienteorganizacional."

Leiaofragmentoaseguir.
"_____ implica o estabelecimento de metas, _____ e recursos
necessáriosàproduçãode_____quesejamsatisfatóriosàvida
pessoalesocial,ouseja,àconsecuçãodosnossosdesejos."
Assinaleaalternativaquecompletacorretamenteaslacunasdo
fragmentoacima:
(A) Planejamento­ações­conflitos
(B) Avaliação­procedimentos­resultados
(C) Currículo­ações­consequências
(D) Planejamento­ações­resultados
(E) Avaliação­procedimentos­conflitos

(TARDIFeLESSARD,2008,p.79)

Comrelaçãoàstensõeseaosdilemasdotrabalhodocenteem
relaçãoàorganizaçãoescolar,analiseositensaseguir.
I. A ordem da classe é definida pela organização escolar. /
É uma ordem construída, por definir, que depende da
iniciativadeprofessoresealunos.
II. Aescolapossuiumaculturadistintadasculturasambientais
(locais, familiares, etc.). / O professor deve integrar os
alunos na cultura escolar, cuja presença na escola é
obrigatóriaenãovoluntária.
III. A escola e a classe são regidas por um tempo
administrativo independente da aprendizagem. /
Aaprendizagemeoensinoremetematemposdevivências,
situadosemcontextosquelhesdãosentido.
Assinale:
(A) sesomenteoitemIestivercorreto.
(B) sesomenteositensIeIIIestiveremcorretos.
(C) sesomenteositensIIeIIIestiveremcorretos.
(D) sesomenteositensIeIIestiveremcorretos.
(E) setodosositensestiveremcorretos.

36
Silva(2004)aoabordarasconcepçõesdecurrículo,afirmaque
"é visto como um processo de racionalização de resultados
educacionais, cuidadosa e rigorosamente especificados e
medidos".
Com relação aos tipos de currículo, analise as afirmativas a
seguir.
I. O Currículo Real ocorre no espaço da sala de aula como
resultado de um projeto pedagógico e dos planos de
ensino.
II. O Currículo Oculto envolve aspectos do ambiente escolar
que contribuem para aprendizagens sociais relevantes,
englobando também atitudes, comportamentos, valores e
orientações.
III. O Currículo Formal, estabelecido pelos sistemas de ensino
ou instituição educacional, é expresso em diretrizes
curriculares.
Assinale:
(A) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
(B) sesomenteasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(C) sesomenteasafirmativasIeIIIestiveremcorretas.
(D) sesomenteasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.
(E) setodasasafirmativasestiveremcorretas.

34
O Plano de Desenvolvimento da Educação estabelece, como
meta, que em 2021 o IDEB do Brasil seja 6,0 ­ média que
corresponde a um sistema educacional de qualidade
comparávelàdospaísesdesenvolvidos.(http://portal.inep.gov.br)
Analiseoquadroquecontémosdadosdeumaescolafictícia.


Brasil

UF

Aprovação

84,6

85,4

80,7

79,7

Distorçãoidadesérie

24,6

28,1

30,6

34,4

189,14 176,62

163,86

178,99

171,40 192,79

178,18

194,82

ProvaBrasil
(LínguaPortuguesa)

ProvaBrasil
(Matemática)
IDEB

4,0

Município Escola

4,1

3,5

37
"O planejamento curricular é colocado a prova na hora de
ensinar. Num mesmo dia, os professores têm que levar em
conta períodos maiores ou menores de receptividade, de
atençãodosalunos,bemcomodeassimilaçãodamatéria."
(TARDIFeLESSARD,2008,p.217)

Acerca da adequação do planejamento às ações práticas de
cadadia,analiseasafirmativasaseguir.
I. Osprofessoresnãoprecisamconsiderarseuconhecimento
sobre os alunos, suas diferenças, suas habilidades e seus
interesses.
II. Uma vez elaborado, o planejamento nunca deve ser
alterado para não atrapalhar o bom andamento do
programa.
III. Éimportantequeoprofessorsaibaadequaramatériapara
queosalunosacompreendam.
Assinale:
(A) sesomenteaafirmativaIIIestivercorreta.
(B) sesomenteasafirmativasIeIIIestiveremcorretas.
(C) sesomenteasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.
(D) sesomenteasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(E) setodasasafirmativasestiveremcorretas.

3,9

Após a divulgação desses resultados, a escola se reorganizou,
traçou novas metas e estratégias e, posteriormente, o IDEB
dessaescolapassouaser4,3.
Assinale a alternativa que apresenta as razões que explicam a
melhoriaapresentadapelaescola.
(A) Aumento da reprovação dos maus alunos e melhor
desempenhoemMatemática.
(B) Aumento da reprovação dos maus alunos e melhor
desempenhoemLínguaPortuguesa.
(C) Aumento da reprovação dos maus alunos e reduzido
númerodefaltososnodiadaaplicaçãodaProvaBrasil.
(D) Aumento da aprovação dos alunos e melhor desempenho
emMatemáticaeemLínguaPortuguesa.
(E) Aumentodaaprovaçãodosalunoseaumentonadistorção
idadesérie.
Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos



Tipo 1 ­ Cor Branca ­ Página 9

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

FGV-Projetos

38

40

Observeaimagemaseguir.

Comrelaçãoàelaboraçãodeinstrumentoscapazesdecumprir
comasfunçõesdaavaliaçãodaaprendizagem,assinaleVparaa
afirmativaverdadeiraeFparaafalsa.
()Construir um instrumento avaliativo articulando os
conteúdosplanejadoseaprendidos.
()Elaboraraavaliaçãoapenascomquestõescomumnívelde
dificuldadeelevado.
()Utilizar uma linguagem clara e compreensível na
construçãodasquestões.
Asafirmativassão,respectivamente,
(A) V,FeF.
(B) V,VeV.
(C) F,FeV.
(D) F,VeV.
(E) V,FeV.



41
"Sabesequeasregiõesbrasileirastêmcaracterísticasculturais
bastante diversas e que a convivência entre grupos
diferenciados nos planos social e cultural muitas vezes é
marcada pelo preconceito e pela discriminação. O grande
desafio da escola é reconhecer a diversidade como parte
inseparável da identidade nacional e dar a conhecer a riqueza
representada por essa diversidade etnocultural que compõe o
patrimônio socioculturalbrasileiro, investindonasuperação de
qualquer tipo de discriminação e valorizando a trajetória
particulardosgruposquecompõemasociedade."


(QUINO.TodaMafalda.SãoPaulo,MartinsFontes,1991,p.71)

Umadasprincipaiscríticasàeducaçãoéadequeelaocorrede
forma descontextualizada, fazendo com que os alunos apenas
participem de maneira passiva do processo ensino
aprendizagem.
Aimagemacimanosmostraumnovoparadigma,chamadopor
algunsautoresdemodelodemocráticodeeducação,emqueo
alunoexerceumpapeldiferenteemsaladeaula.
Assinale a alternativa que apresenta as características desse
mododepensaraeducação.
(A) O aluno ganha um novo papel, em que expõe suas ideias,
de maneira crítica; o processo de ensinoaprendizagem é
mediadopelodiálogoentreprofessorealuno.
(B) A professora compartilha com seus alunos suas
experiências pessoais e emocionais, mostrando que os
professoressãosereshumanoscomsentimentos.
(C) O aluno não é uma tábula rasa; ele é o produtor do
conhecimentoeoprocessoeducativodeveestarcentrado
nele.
(D) O professor, nesse modelo de educação, não possui
autoridade, visto que este é um elemento que não
contribuiparaoaprendizadodosalunos.
(E) O professor deve se restringir ao conteúdo específico de
suadisciplina,afimdeofereceraosalunosumaprendizado
maisconcreto.

(ParâmetrosCurricularesNacionais­PluralidadeCultural,1998,p.117)

Assinaleaalternativaemdesacordocomaproposta:
(A) Uma proposta curricular voltada para a cidadania deve
preocuparse necessariamente com as diversidades
existentesnasociedade.
(B) Do ponto de vista psicopedagógico, a compreensão do
fracasso e do sucesso como indícios de responsabilidade da
escola e não só dos alunos, envolve conhecimentos que
levamàredefiniçãodeprocedimentosemsaladeaula.
(C) Pluralidade vivese, ensinase e aprendese. É trabalho de
construção, no qual o envolvimento de todos se dá pelo
respeito e pela própria constatação de que, sem o outro,
nadasesabesobreele.
(D) Aprender a posicionarse de forma a compreender a
relatividade de opiniões, preferências, gostos, escolhas, é
aprender a respeitar ao outro. Ensinar suas próprias
práticas,histórias,gestos,tradições,éfazerserespeitarao
darseaconhecer.
(E) O acobertamento é a postura mais correta: fazendo de
contaqueumproblemanãoexiste,temseaexpectativade
queeledeixe,defato,deexistir.

39
Asalternativasaseguirapresentamincumbênciasdoprofessor
expressas na Lei de Diretrizes e Bases da Educação
(Lein.9.394/96),àexceçãodeuma.Assinalea.
(A) Apresentaraoconselhotutelardomunicípioarelaçãodos
alunosqueapresentemquantidadedefaltasacimade50%
dopercentualpermitidoemlei.
(B) Zelarpelaaprendizagemdosalunos.
(C) Estabelecer estratégias de recuperação para os alunos de
menorrendimento.
(D) Colaborarcomasatividadesdearticulaçãodaescolacoma
asfamíliaseacomunidade.
(E) Participar da elaboração da proposta pedagógica do
estabelecimento.
Página 10 ­ Tipo 1 ­ Cor Branca



Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

FGV-Projetos

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

42

44

Leiaatirinhaaseguir.

A Proposta Curricular do Estado de São Paulo tem como
princípios centrais "a escola que aprende, o currículo como
espaço de cultura, as competências como eixo de
aprendizagem, a prioridade da competência de leitura e de
escrita, a articulação das competências para aprender e a
contextualizaçãonomundodotrabalho."
(PropostaCurriculardoEstadodeSãoPaulo)

O princípio da Prioridade para a competência de leitura e
escrita,contempladonestaproposta,
(A) promove os conhecimentos próprios de cada disciplina
articuladamenteàscompetênciasehabilidadesdoaluno.
(B) adota como competências para aprender, aquelas que
foramformuladasnoreferencialteóricodoEnem­Exame
NacionaldoEnsinoMédio.
(C) tem o compromisso de articular as disciplinas e as
atividades escolares com aquilo que se espera que os
alunosaprendamaolongodosanos.
(D) imprime importância ao trabalho e cultiva o respeito que
lhe é devido na sociedade, como tema que perpassa os
conteúdos curriculares, atribuindo sentido aos
conhecimentosespecíficosdasdisciplinas.
(E) referese à múltiplas linguagens que estão presentes no
mundo contemporâneo, por exemplo as designações e os
conceitoscientíficosetecnológicos.




(Fonte:http://espacoeducarliza.blogspot.com.br/2012/07
/tirinhasdamafaldareflexoessobre.html)

Odiálogotravadoentreascriançasapresentaumacrítica
(A) àfaltadeconhecimentodosdocentesbrasileirosacercada
realidade.
(B) ao pequeno domínio cultural trazido pelos alunos, o que
dificultaaaprendizagem.
(C) à falta de conhecimento prévio dos alunos, o que limita o
trabalhodocente.
(D) à superioridade da educação estrangeira, o que justifica a
maiorqualidadedossistemas.
(E) à falta de contextualização do ensino para uma
aprendizagemsignificativa.

45
Freitas (2007, p. 978) propõe uma forma alternativa de lidar
com a avaliação da qualidade da educação, ofertada pelas
escolas públicas. Esta forma denominada pelo autor de
"qualidadenegociada"constituiseemum
(A) modelo de avaliação que desvincula os resultados das
avaliaçõesemlargaescaladeredesdeensino,aavaliação
institucionaledasaladeaula.
(B) modelo de melhoria da eficiência da proposta pedagógica
da escola, aplicação de avaliações de larga escala, no
âmbito federal ou estadual e da exposição dos resultados
decadaescolaàsociedade.
(C) projeto que dá acesso e garante a permanência das
camadas populares do interior da escola e, no entanto,
trabalha em condições pedagógicas e sociais que
favorecemodesempenhoescolarefetivodepoucos.
(D) projetoafavordaspolíticaspúblicasquetêmcomofocoa
eliminaçãodareprovação,porquenemtodareprovação,se
dá por causas políticas, considerando que há reprovações,
também,pormotivospedagógicos.
(E) modelo baseado na mobilização de toda comunidade
escolar comprometida com resultados positivos e, ao
mesmo tempo, exigindo do poder público as condições,
paraqueainstituiçãopossaalcançartaisresultados.

43
Leiaofragmentoaseguir.
"As teorias do currículo não estão situadas num campo
'puramente' epistemológico, de competição entre 'puras'
teorias.Asteoriasdocurrículoestãoativamenteenvolvidasna
atividadedegarantirconsenso,deobterhegemonia.Asteorias
do currículo estão situadas num campo epistemológico social.
As teorias do currículo estão no centro de um território
contestado."(Silva,2004,p.16)
Comrelaçãoàteoriadocurrículo,assinaleaafirmativacorreta.
(A) As teorias críticas de currículo enfatizam os conceitos
pedagógicosdeensinoeaprendizagem.
(B) Os conceitos de ensino, aprendizagem, multiculturalismo,
emancipação e libertação são enfatizados pela teoria
tradicionaldecurrículo.
(C) As teorias críticas e póscríticas enfatizam seus
questionamentos no entendimento do "o quê?", com a
finalidadedeseconheceroqueestásendoestudado.
(D) Representação, cultura e eficiência são conceitos
abordadosemumaperspectivadateoriacrítica.
(E) As teorias tradicionais concentramse nas questões
técnicas,sendoassim"teoriasneutras".

Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

46
"Uma determinada turma de Ensino Médio, estava bastante
agitada,conversasparalelas,risos,duranteaaula.Oprofessor
resolveu,então,aplicarumaavaliaçãosurpresa."
Aavaliaçãopropostafoiumrecurso
(A) formativo.
(B) processual.
(C) diagnóstico.
(D) disciplinador.
(E) dejuízodevalor.



Tipo 1 ­ Cor Branca ­ Página 11

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

FGV-Projetos

47

49

Leiaotextoaseguir.
"Desde há mais de cem anos, espalhouse uma grande
quantidadedelamentaçõessobreadesordemdasescolasedo
método e, sobretudo nos últimos 30 anos, pensouse
ansiosamentenosremédios.Mascomqueproveito?Asescolas
permaneceramquaiseram.Sealguém,particularmente,ouem
qualquerescolaemparticular,começouafazerqualquercoisa,
pouco adiantou: ou foi acolhido pelas gargalhadas dos
ignorantes ou coberto pela inveja dos malévolos, ou então,
privado de auxílios, sucumbiu ao peso dos trabalhos e, assim,
atéagora,todasastentativastêmresultadovãs."

Sobre avaliação institucional (Freitas, 2007), analise as
afirmativasaseguir.
I. Deve levar à apropriação da escola pelos seus atores no
sentido de que estes têm um projeto e um compromisso
social, em especial entre as classes populares e, portanto,
sem a intervenção do Estado, ou seja, um processo
unilateral.
II. Comaavaliaçãoinstitucional,oqueseespera,portanto,é
que o coletivo da escola localize seus problemas, suas
contradições, reflita sobre eles e estruture situações de
melhoria ou superação, demandando condições do poder
público, mas, ao mesmo tempo, comprometendose com
melhoriasconcretasnaescola.
III. Uma boa avaliação institucional terá consequências
positivas para o ensino e a avaliação da aprendizagem em
sala de aula, cuja prática é de responsabilidade do
professor.
Assinale:
(A) setodasasafirmativasestiveremcorretas.
(B) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
(C) sesomenteasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(D) sesomenteasafirmativasIeIIIestiveremcorretas.
(E) sesomenteasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.

(Comênio,1985apudCortella,2011)

Cortella, ao citar texto escrito, em 1632 pelo educador
Comênio, remete à similaridade entre a situação da escola há
mais de quatro séculos e a educação brasileira. Para tal, se
refere a três concepções sobre a natureza dessa relação ­
otimismoingênuo,pessimismoingênuoeotimismocrítico.
A concepção otimista crítica na relação sociedade e escola
caracterizaseporatribuiraessainstituição
(A) uma missão salvífica, na qual o educador assume papel
sacerdotaltendoemvistasuavocação,conferindoàescola
umaautonomiaabsolutaquelhepermiteextinguirpobreza
emisériapelaeducação.
(B) uma missão de serviço ao poder, na qual a educação serve
comoinstrumentodedominaçãoeoeducadorassumeopapel
deseragentedaideologiadominante,servindoàselites,que
fazemdaescolaespaçoparaperpetuarostatusquo.
(C) um papel politicamente desinteressado, ao conceber ser
possível atuar sem a tomada de partidos ou de
posicionamentos,numasociedademarcadaporconflitose
confrontos internos, resultando numa simplória inocência
inútil.
(D) umainserçãosuprassocial,pelaqual,semahegemoniade
umaclasse,aescolaserveàsociedadeindistintamenteeo
professorassumeumpapelneutro,semestaraserviçode
qualquer grupo social, atuando como agente do bem
comum.
(E) umanaturezacontraditóriadeseupapelsocial,namedida
em que a função da educação mostra ser,
simultaneamente, conservadora e inovadora, cabendo ao
professorodesempenhodeumpapelpolíticopedagógico,
deautonomiarelativa.

50
As concepções de Vygotsky (apud La Taille, 1992.) sobre o
funcionamento do cérebro humano fundamentamse na ideia
de que as funções psicológicas superiores são construídas ao
longodahistóriasocialdohomem.
Acercadessasconcepções,analiseasafirmativasaseguir.
I. Oserhumanocriaasformasdeaçãoqueodistinguemde
outros animais, na sua relação com o mundo, mediada
pelos
instrumentos
e
símbolos
desenvolvidos
culturalmente.
II. As funções mentais são fixas e imutáveis, a ideia de
plasticidade do sistema cerebral do homem é inaceitável,
pois seriam necessárias transformações morfológicas no
órgãofísico.
III. Aolongodeseudesenvolvimentooserhumanointernaliza
formas culturalmente dadas de comportamento, num
processo em que atividades externas e funções
interpessoais transformamse em atividades internas,
intrapsicológicas.
Assinale:
(A) setodasasafirmativasestiveremcorretas.
(B) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
(C) sesomenteaafirmativaIIestivercorreta.
(D) somenteasafirmativasIeIIIestiveremcorretas.
(E) somenteasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.


48
Tendo como base os desafios contemporâneos tratados na
Proposta Curricular do Estado de São Paulo, analise as
afirmativasaseguir.
I. Aqualidadedoconvívio,assimcomodosconhecimentose
das competências constituídas na vida escolar, será fator
determinante para a participação do indivíduo em seu
própriogruposocialeparaquetomepartedeprocessosde
críticaerenovação.
II. Oaprendernaescolapromoveotrânsitoparaaautonomia
davidaadultaeprofissional.
III. Paraqueademocratizaçãodaeducaçãotenhaumafunção
realmenteinclusivaénecessárioesuficienteuniversalizaro
acessoàescola.
Assinale:
(A) setodasasafirmativasestiveremcorretas.
(B) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
(C) sesomenteaafirmativaIIIestivercorreta.
(D) sesomenteasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(E) sesomenteasafirmativasIeIIIestiveremcorretas.
Página 12 ­ Tipo 1 ­ Cor Branca



Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

FGV-Projetos

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

1ªQuestãoDissertativa
EmumaescolapúblicadeEnsinoFundamental,12docentesparticipamdeumgrupodeestudoquetemcomofococentralinvestigar
comootrabalhodocente,emsaladeaula,podeconseguiraparticipaçãoefetivadosalunos,comoautoresdesuaaprendizagemede
seudesempenhoescolar.
Odocentequelecionano6ºanodoEnsinoFundamental,afirmaqueemsuasaladeaulajáconsegueaparticipaçãoativadecercade
80%dosalunos,porém,aturmaestáagitadacomdificuldadesdeatenderàsnormasdisciplinareserespeitaroscolegas.Háaindaum
númerosignificativodealunosqueapresentamdificuldadesnaaprendizagem.
OdocenteX,queministraaulasparao7ºanodoEnsinoFundamental,revelaquejáestáconseguindoaparticipaçãoefetivade70%de
seusalunoseque,parasuasatisfação,osestudantestêmdemonstradomaiorcompromissocomoestudoecomocoletivodasala,o
quetemcontribuídoparamelhorarodesempenhoacadêmico.

Eisodesafiodoseducadores,buscarumapráticaeducativaparticipativaedialógicaemturmasheterogêneas,assegurandotambém
bonsresultadosacadêmicos.

Apresente suasconsiderações acerca de como aperfeiçoar os resultados obtidos nas duassituações, do ponto de vista da produção
acadêmicaedaspráticassociais.


Seutextodeveternomínimo10enomáximo18linhas.


01



02



03



04



05



06



07



08



09



10



11



12



13



14



15



16



17



18





Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

Tipo 1 ­ Cor Branca ­ Página 13

Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação ­ 2013

FGV-Projetos

2ªQuestãoDissertativa
Em uma escola de Ensino Fundamental, dois grupos de professores apresentam posicionamentos diferentes na execução de seus
projetosdetrabalho.
O grupo A, ao iniciar o trabalho com um conceito/ideia importante, no processo ensino aprendizagem de sua área de
conhecimento,aplicaumexercíciodiagnóstico paralevantaro conhecimentopréviodosalunosemrelaçãoaoconceito/ideia
que será trabalhado; interpreta os resultados do exercício; planeja intervenções de acordo com as necessidades dos alunos,
como o grau de construção conceitual dos diferentes grupos, os diferentes raciocínios, os tipos de erros e outras, bem como
intervenções gerais, como exposições, projetos de trabalhos, exercício para aprofundar a construção conceitual, exercícios
avaliativoseoutrosprocedimentosnecessários.
O grupo B, ao iniciar o trabalho com um conceito/ideia importante no processo ensino aprendizagem de sua área do
conhecimento, declara para a classe que vai trabalhar considerando o ano escolar em que os alunos se encontram,
independentedoquejádeveriamterestudadosobreoassunto;expõeoassunto;solicitaqueabramolivrodidáticoeleiamo
capítulo "X" e respondam aos exercícios do livro; informa que dará uma prova sobre o tema; após a correção da prova, não
voltaatrabalharosconceitos/ideiasporquejáestáensinandooutrosconteúdosenãopodevoltarparanovasintervenções.

Combasenaleituradessassituações,posicioneseemrelaçãoàcondutapedagógicadessesprofessores,comparandoaposturados
grupos A e B, em relação aos seguintes aspectos: concepção pedagógica, procedimentos didáticos, compromisso com a educação
participativa e com a aprendizagem significativa dos alunos, em uma escola que tenha qualidade no ensino e na educação de seus
estudantes.

Seutextodeveternomínimo10enomáximo18linhas.


01



02



03



04



05



06



07



08



09



10



11



12



13



14



15



16



17



18





Página 14 ­ Tipo 1 ­ Cor Branca

Professor de Educação Básica II ­ Conhecimentos Pedagógicos

Realização