LOCERYL®
cloridrato de amorolfina
ESMALTE
50 mg/mL
Galderma Brasil Ltda.

6



LOCERYL ®
cloridrato de amorolfina
APRESENTAÇÃO
Esmalte terapêutico para unhas contendo 50mg/ml de amorolfina (na forma de cloridrato de amorolfina).
A embalagem do produto pode conter uma das seguintes apresentações:
x 1 frasco de vidro âmbar contendo 2,5 ml de esmalte + 10 espátulas + 30 lixas de unhas + 30
compressas embebidas em álcool isopropílico; ou
x 1 frasco de vidro âmbar contendo 1,25 ml de esmalte + 10 espátulas, sem os demais acessórios.
USO TÓPICO NAS UNHAS.
USO ADULTO.
COMPOSIÇÃO
Cada ml contém:
amorolfina* (sob a forma de cloridrato de amorolfina) ............................................ 50 mg
veículo...........................................................................q.s.p....................................... 1 ml
Veículo constituído por : copolímero do ácido metacrílico, triacetina, acetato de butila, acetato de etila e
álcool etílico.
*correspondente a 55,74mg de cloridrato de amorolfina.
INFORMAÇÕES TÉCNICAS AOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE
1.

INDICAÇÕES
®

LOCERYL Esmalte é indicado para o tratamento de micoses de unha (onicomicoses) causadas por
dermatófitos, leveduras e fungos filamentosos não dermatófitos.
2.

RESULTADOS DE EFICÁCIA

A amorolfina penetra rapidamente na unha após aplicação tópica. Ela é detectada mais cedo e em maiores
concentrações comparativamente à administração oral de terbinafina e itraconazol. (1)
O pico de absorção da amorolfina através da unha ocorre entre 5 e 25 horas após a aplicação tópica.

(2)

174 pacientes com onicomicose, apresentando menos de 50% de acometimento da superfície da unha,
receberam tratamento com esmalte de amorolfina 5% (1 aplicação por semana) ou ciclopirox 8% (3
aplicações por semana no primeiro mês; 2 aplicações por semana no segundo mês e 1 vez por semana a partir
do terceiro mês de tratamento). A duração média do tratamento foi de 6 meses para unhas das mãos e 12
meses para unhas dos pés. As taxas de cura micológica foram de 78,4% e 75% respectivamente após o
tratamento. Na visita de acompanhamento após seis meses, as taxas de cura micológica mostraram-se mais
altas para ambas as preparações: 88,3%% para amorolfina e 77,8% para ciclopirox, sendo a diferença
(3)

estatisticamente significante (p